Guy Cohen, é um judeu ortodoxo que perguntou ao rabino dele sobre o Messias

Guy Cohen se perguntava por que, nesta era moderna, o Messias de Israel iria montar num jumento. O rabino não teve uma resposta satisfatória. Em sua busca pela verdade, encontrou-se com Jesus. Assista ao testemunho dele: “Um judeu ortodoxo pergunta ao seu rabino sobre o Messias”. Tendo crescido em uma família ortodoxa, Guy tinha muitas perguntas sobre o Messias. Ele não conseguia encontrar respostas nos ensinamentos do rabino e abandonou a vida ortodoxa.





Legendas de vídeo youtube

Eu gostaria de compartilhar com você como eu vim a ser um seguidor de Yeshua Ha-Mashiach. Você o conhece como Jesus Cristo, Seu nome é Yeshua. Eu gostaria muito de compartilhar isso com você, porque este testemunho mudou minha vida e a fez melhor do que era antes. Para você entender como minha vida era antes, Eu gostaria de dizer que eu era um judeu ortodoxo e eu cresci numa família judia ortodoxa Estudei no estilo rabínico no Talmude, na Torá, na Gemara e tudo.

Quando eu tinha 13 anos, eu perguntei ao meu rabino sobre o Messias, o Salvador do mundo. A pergunta era sobre Zacarias 9:9. Eu perguntei sobre o jumento. Ali diz que o Messias virá a Jerusalém montado num jumento. Então eu perguntei como poderia ser que o Messias vinha a Jerusalém montado em um jumento. Temos carros, aviões… Hoje, ir a Jerusalém em um jumento… Você pode imaginar? O Messias em um jumento e você no seu carro, não é uma imagem muito atraente. Nos meus olhos, eu vi isso como um insulto ao Messias Meu rabino era um cabalista, e ele fez um trocadilho com as palavras da Bíblia, ele tomou a palavra jumento e fez um trocadilho. Jumento em hebraico é Chamor e ele trocou Chamor por Gomer. Chamor é jumento e Gomer é meio. Ele me disse: bom, meu filho, hoje nós temos muitos meios. Temos carros, temos aviões, e ele virá num destes meios a Jerusalém. O rabino era do Schneerson Chabad, uma denominação que acredita em Schneerson (um rabino do Brooklyn), que Ele é o Messias e que ele é quem vai resgatar Israel supostamente. Assim, ele acreditava que Schneerson é o Messias. É claro que eu não aceitei este ensinamento, mas eu mantive essa questão no meu coração. Quando eu tinha dezoito anos, eu tinha um monte de lutas com o ensino rabínico Porque seu ensino estava de um lado, e a Halachá e a Palavra de Deus estava do outro lado. Então eu tinha muitas perguntas, e eu podia ver que os rabinos tinham mais interesse no dinheiro das pessoas que em seus corações.

Quando eu tinha 18 anos, eu estava caminhando na cidade de Akko, este é o lugar onde eu cresci, e clamei a Deus e disse: “Deus, o que está acontecendo por aqui? Por que estamos vivendo na terra de Israel?” “Por que nos trouxeste à terra de Israel?” “Por que os rabinos estão manipulando as pessoas? Onde estás Tu, oh Deus? Onde está o Messias?” Você precisa saber que o povo judeu, eles vivem para o Messias, Eles só querem vê-lo retornar, para que ele os resgate, e que ele seja o Shach Shalom, o Ministro da Paz, e ele vai mudar o coração deles, e o coração do mundo. Isto é o que o povo judeu está desejando… e essa foi minha pergunta para Deus: “Onde está o Messias?” Eu não tinha como encontrá-lo na vida ortodoxa, porque há um monte de regras, lei, lei, lei, lei. Onde está a graça, onde está o amor de Deus? Naquela noite, quando eu terminei a minha oração, eu tirei a coberta da minha cabeça, o que chamamos de kipa, e a coloquei no meu bolso. E eu disse: chega de vida ortodoxa. Eu serei um judeu conservador. Eu serei um daqueles judeus que irá no sábado para a sinagoga. Vou obedecer a Torá, mas não no estilo rabínico, mas da forma que eu a entendo. Nesse meio tempo, eu vou esperar em Deus. Ele vai me mostrar quem é o Messias. Após disto, eu fui para o exército.

Cinco anos mais tarde, eu estava andando pelas ruas da cidade de Akko novamente. Nesse tempo eu trabalhava como contabilista no escritório do imposto de renda. Era meio-dia, eu estava andando na rua, quando um rapaz veio até mim e me deu um livro em minhas mãos. Então recebi e olhei para aquele livro, e virei-me para devolver o livro. Eu disse: “Eu não quero isso, tome o livro de volta.” Esse cara não estava mais lá… ele desapareceu! Eu olhei em volta e disse: “Que o que está acontecendo aqui?!” Então eu corri até o fim da rua e olhei em volta e não havia ninguém. Peguei o livro e fui para o escritório, e quando estava lá abri o livro e era o Evangelho de Mateus. E ali Yeshua diz: “Se a sua mão o fizer pecar, corte-a; se o seu olho o fizer pecar, arranque-o” “É melhor para você sofrer aqui neste mundo e ganhar a vida eterna.” Então eu disse comigo: “Oba! Ele é tão radical, tão forte; Ele fala como meus rabinos!” E então eu falei comigo: “Bem, ele era um rabino. Yeshua, ele era judeu, seus discípulos eram judeus, a maioria do mundo acredita nele.” E então eu disse: “ok, vamos ler o Novo Testamento.”

Eu li o Novo Testamento. E então, eu cheguei em Mateus 21:7, onde podemos ver que Yeshua veio a Jerusalém num jumento. E eu me lembrei de quando eu era criança, e da minha pergunta, e imediatamente eu disse que eu estava certo desde o início, que Ele ia vir a Jerusalém em um jumento. e imediatamente senti a presença de Yeshua no quarto. Eu o convidei para entrar no meu coração, e eu o aceitei como meu Senhor e o Messias de Israel Eu acredito que ele vai fazer as mesmas coisas com os filhos e filhas de Israel É claro, estas foram as coisas boas que aconteceram comigo, Ele abriu os meus olhos e perguntei-lhe: “E o que será dos meus irmãos e minhas irmãs, do povo de Israel?” Ele vai fazer isso, vai abrir os olhos da casa perdida de Israel. Ele é o Messias. Ele é o Salvador do mundo. Você não precisa ser cristão para ser um seguidor de Yeshua. Você pode permanecer judeu e segui-lo. Tudo bem, lembre-se, o povo judeu, o ensino judaico está falando sobre o Messias. Quando o Messias vier, ele vai cumprir as profecias e ele cumprirá as festas nele e então será uma grande festa.

Isso é o que está acontecendo na minha vida. É por isso que eu tenho essa alegria, porque ele cumpre todo o conhecimento que eu sei sobre o Messias. Se olharmos para as festas: Páscoa, por exemplo. A Páscoa Fala sobre o Messias. Se olharmos para os Tabernáculos, a festa dos Tabernáculos também fala sobre o Messias. A festa de Shavuot, a festa das semanas, ela está falando sobre o Messias. Tudo isso conduz para Yeshua, o Messias e o Salvador do mundo. Então hoje já há 16 anos que eu acredito em Yeshua, e cada dia da minha vida é lindo e vitorioso. E eu convido você a pesquisar sobre Yeshua. Apenas desafie-se e pesquise sobre ele: se ele é o Messias, e você ficará surpreso com o resultado